V Semana Acadêmica de Aquicultura do Unifunec oferece Oficina Sustentável de Curtimento e Acabamento em Peles de Peixe



Publicado por @funec | Assessoria de Comunicação da Funec - Santa Fé do Sul - 08/06/2018

Oficina de curtimento de pele de peixe realizada durante Semana Acadêmica do curso de Aquicultura (2)O curso Aquicultura do Centro Universitário de Santa Fé do Sul – Unifunec, realizou de 05 a 07 de junho, a V Semana Acadêmica de Aquicultura – Oficina Sustentável de Curtimento a Acabamento em Peles de Peixe.

Ministrada pela zootecnista e especialista em curtimento de peles exóticas, Amanda Lílian Vieira Hoch, a oficina abordou o manuseio correto dos produtos químicos; a importância do uso de equipamentos de segurança; métodos de conservação; descarne das peles in natura; curtimento Biolether (uso de taninos vegetais); tingimento artesanal (corante natural e comercial); acabamento artesanal (ceras, verniz, verniz metalizado) e descarte de efluentes. Cada aluno recebeu um kit de curtimento contendo um manual e couro de tilápia para aula.

“Nossa região é uma grande produtora de tilápia e este é um mercado em expansão. O curtimento da pele do peixe é uma estratégia eficiente de aproveitamento do resíduo em um subproduto como matéria prima para artesanatos diversos, com expectativa de grande aceitação no mercado”, afirmou o coordenador do curso, Prof. Dr. Sandro Alves Corrêa.

O curtimento é o processo de transformação da pele em couro, um produto imputrescível com características de maciez, elasticidade, flexibilidade e resistência à tração. As qualidades físico-mecânicas da pele de peixe permitem a sua aplicação em diversos setores da confecção, com destaque para a manufatura de vestuários em geral, como jaquetas, coletes, saias, aplicação em tecidos, pulseiras de relógio, pastas, bolsas, carteiras, suvenir, cintos e, principalmente, calçados, além de também ser utilizado na decoração.

A diretora geral do Unifunec, Profª Drª Sâmira Ambar Lins, ressaltou que “a iniciativa de trazermos esse curso deveu-se principalmente ao fato de nossa região ser um dos maiores pólos de criação de tilápia. Capacitar nossos alunos e convidados a manufatura do couro de tilápia certamente ampliará seus horizontes e os preparará melhor ao mercado de trabalho”.